A localidade de Criúva é reconhecida como o lado campeiro da cidade de Caxias do Sul, o distrito de Criúva teve sua origem na época do tropeirismo e foi inspirado no nome da árvore típica da região.

 

Além da vasta cultura trazida pelos tropeiros a localidade de Criúva é privilegiada pelas belezas naturais de seu interior: são cascatas, rios, matas nativas, flora e o maior recurso hídrico potável do município.

O distrito fazia parte do município de São Francisco de Paula até 1954, quando foi anexado à Caxias do Sul. Seus primeiros moradores, depois dos índios, foram os portugueses. Mais tarde, outros imigrantes sobretudo italianos foram responsáveis pela miscigenação existente hoje no local.

Turismo de aventura:

Há apenas uma empresa de turismo que explora o turismo na localidade de Criúva. Seus principais pontos turísticos são a Cachoeira da Mulada, Ponte dos Korff, Cânion Palaquinho, nestes locais é possível fazer inúmeras atividades de aventuras, desde pequenas trilhas até grandes caminhadas, trekking, canyoning e muito outras.

A Criúva Operadora é uma agência familiar composta por Guadalupe Traslatti Pante e pelos seus pais Átilas Pante e Cláudia Traslatti.

Cachoeira da Mulada:

A cachoeira da Mulada é um dos principais pontos turísticos da localidade, pois sua queda de aguá chega medir aproximadamente 200 metros de extensão, em meio a lindos campos verdejantes, a cachoeira se destaca pela sua beleza exuberante.

Ponte do Korff

A ponte do Korff foi a primeira ponte construída sobre o Rio das Antas, ligando Caxias do Sul com Vacaria, com o objetivo de transportar mercadorias ao centro do país e vice-versa. Foi declarada patrimônio histórico e cultural do Estado do Rio Grande do Sul no ano de 2006. O início de sua construção aconteceu em 1901 e foi inaugurada em 15 de fevereiro de 1907.

A ponte não possui parafusos e foi montada com rebites. Tem 108 metros de comprimento e 19,6 metros de altura. O assoalho é de madeira e os pilares são de pedra.

Cânion Palaquinho

Distante cerca de 90 quilômetros do centro de Caxias do Sul, na Serra, a Unidade de Conservação Municipal de Proteção Integral Monumento Natural Palanquinho, criada oficialmente em novembro do ano passado no distrito de Criúva, tem como atração principal o Cânion Palanquinho.

Para ter acesso aos cânions é preciso ir até o centro de Criúva, seguir por São Jorge da Mulada e enfrentar mais 18 quilômetros de estrada de chão. A última placa indicativa do lugar, com a inscrição “Kênio”, foi feita por um morador para suprir a falta de sinalização.

Os roteiros pelos cânions vão desde uma caminhada de 20 minutos pela superfície até trilha de 17 quilômetros pelo seu interior.

Criúva - Cânion Palaquinho

Os pacotes de turismo de aventura contemplam diversos pontos turísticos de Criúva, com preços que vão de R$ 30,00 a R$ 150,00 reais por pessoa, acessíveis a todas as idades e condicionamento físico, incluí a comunidade em seus programas turísticos.

Onde almoçar:

É impressionante como um lugar tão pequeno pode ter tantos atrativos. A Casa verde é um exemplo de simplicidade e bom gosto, com culinária simples apresenta em seu cardápio campeiro os seguintes pratos: Arroz, feijão, polenta, abóbora, carne de panela, batata cozida e saladas.

O grande diferencial é que tudo é feito num fogão à lenha feito pela proprietária, dona Cláudia. Tô falando da comida e do fogão. Isso mesmo, ela própria fez o fogão.

Caso você queira provar as delicias feitas neste local único é preciso fazer agendamento prévio, com cerca de 24 horas de antecedência pelo Telefone (54) 3267-8255.

Onde acampar:

O Camping Balneário e Coqueiros fica na localidade de São Jorge da Mulada, distrito de Criúva. Para saber mais acesse o site Onde Acampar.

(Visited 89 times, 1 visits today)

3 Comentários de

  1. Diogo Rhoden 05/04/2017 no 11:03

    Caro Luis,
    Estou programando um trekking para o feriado da páscoa entre os dias 14 e 15 de abril e no trajeto proposto, passará pelos locais que você visitou, sendo assim, gostaria de maiores informações sobre a questão de acesso nas cascatas.
    O ponto de partida proposto é no Memorial Bertussi no distrito São Jorge da Mulada, seguindo em direção a Campestre da Serra, passando pela Cascata da Mulada, distrito de Criúva, ponte Korff, cascata da Usina, distrito São Manoel e por fim, chegar a BR 116.
    Posso passar maiores do roteiro proposto por email.
    Aguardo retorno, abraço.

    Responder
  2. Diogo Rhoden 07/04/2017 no 12:43

    Enviado! 😀
    Fico no aguardo do retorno, abraços.

    Responder

Deixe Um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *